.comment-link {margin-left:.6em;}

Monday, July 04, 2005

 

Descarado!

Bush diz:
Coloco os interesses dos Estados Unidos em primeiro lugar.

Num dos seus habituais e inflamados comentários anti-americanos, o The Guardian abre com as habituais criticas aos Estados Unidos e ao seu presidente por ousar declarar, na véspera da cimeira dos G8 em Edimburg, que o seu objectivo é defender os interesses do seu país. Descarado! Sem-vergonha!

Claro que um pouca mais abaixo (depois da publicidade), o artigo, embora sem abandonar a sua retórica anti-capitalista, reconhece que também existem uns pequenos problemas suplementares:
Berlin is refusing to increase its aid budget for Africa from €1.8bn (£1.2bn) a year to €2.4bn - as Mr Blair hoped - and has expressed scepticism over a proposed tax on air tickets to be earmarked for aid.
[...]
Jacques Chirac, the French president, sounded a slightly more promising note yesterday by saying G8 leaders were "heading towards" an agreement on climate change after a meeting with Mr Schröder and Vladimir Putin in Svetlogorsk, Russia. He did not, however, say what the deal was.
A bela retórica anti-americana vem empacotada juntamente com uma caldeirada de Live 8 e Kyoto, que como todos sabem foi recusado pelos Estados Unidos e pela Austrália, entre outros países, e cujas metas vão ser desrespeitadas praticamente por todos, senão por todos os seus signatários. No entanto, não se vê nem uma referência às declarações de Geldof:
Geldof confessed that he had been forced to defend the Bush administration in a visit to France, where "they refuse to accept, because of their political ideology, that he has actually done more than any American president for Africa". Geldof said: "But it's empirically so."
Outro descarado! Vendido!

Comments:
muito bem visto.
 
Best regards from NY! » » »
 
Post a Comment

Links to this post:

Create a Link



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?