.comment-link {margin-left:.6em;}

Friday, October 21, 2005

 

Tirou-me as palavras da boca...

...este poste de Rodrigo Adão Fonseca no Blasfémias. Indispensável, se ainda não leram. Só uma amostra:

Esquerdista, no século XXI, é alguém que culpabiliza a «globalização» pelo «actual estado de coisas»; que considera que o mundo está caótico devido a uma «deriva neo-liberal» que enraizada nos centros de poder visa malevolamente «destruir os direitos dos trabalhadores conquistados a pulso por dois séculos de lutas»; é alguém que reconhece que há uma «crise», mas que se recusa a priori a pôr em causa «o modelo social europeu», altura do debate em que o elevar da voz e o discurso radical impedem qualquer discussão analítica e objectiva; é alguém que se diz progressista e se julga de mente aberta mas que impede qualquer ímpeto reformista que ponha em causa o seu status quo; é, portanto, um conservador, embora esteja convencido do contrário, porque defende acerrimamente a alteração do status quo do «vizinho do lado», sobretudo se tiver cometido o pecado capital de acumular licitamente e pelo seu mérito qualquer riqueza; é alguém que afirma com forte convicção ser «essencial manter a coesão social», traduzindo-se essa «coesão», na prática, precisamente no contrário, numa «manutenção de privilégios», nem que seja à custa da fractura e desagregação sociais e no avolumar das explorações interclassistas e geracionais.


O que é que etão ainda aqui a fazer, a olhar para estes delírios? Cliquem no link e vão ler tudo.

Comments: Post a Comment

Links to this post:

Create a Link



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?